Domingo, 16 de Novembro de 2008
Quem admira mais Manuel Parada?

Afinal quem é que admira mais Manuel Parada?

 

O barqueiro não sabe se repararam numa hilariante troca de "mimos" entre aqueles que militam nos "escalões de formação" da política barquense. Para quem ainda, por acaso, não conhecer, eles são José Pedro Amaral do lado da "pseudo JS" e José Alfredo Oliveira, do lado da JSD concelhia. E diz-se "pseudo JS", porque sabe-se perfeitamente o que José Amaral defende - Vassalo Abreu - apesar da JS no concelho nem sequer existir, enquanto que em contraste José Oliveira lidera uma JSD que realmente existe, apesar de não se saber propriamente o que defendem. Desta vez o motivo da troca de ideias em praça pública, ou melhor, nos jornais concelhios, foi a homenagem feita ao falecido poeta da terra Manuel Parada, com a inauguração da praça com o seu nome.

 

 

Atentem nomeadamente à edição de 1 de Novembro do "Notícias da Barca". Comece-se então a análise de mais uma disputa à boa moda da Barca, começando-se pelo comunicado da JSD acerca desta homenagem, e depois recuando-se umas páginas no mesmo jornal para as "Notas" ditas de "Relevantes" de José Amaral. No comunicado da JSD a homenagem feita pela Câmara Municipal a Manuel Parada com a inauguração da praça com o seu nome é adjectivada da seguinte forma: "... profundo lamento em relação a tão pequena homenagem a tão ilustre personalidade do concelho (...)". Poucas palavras à frente voltam à carga: "... pelo que consideramos impróprio à lembrança e à obra deixada por tão ilustre pessoa, tão pequena e simples homenagem.". Mais à frente ainda relembram a proposta do PSD para que se construa uma futura biblioteca Municipal com o nome Manuel Parada (sendo, ainda para mais, o "regressado" Cabral de Oliveira um dos protagonistas do filme da viagem "sem regresso" da antiga biblioteca municipal). Recuando-se então umas páginas lemos José Amaral a lamentar o triste comunicado da JSD, opinião da qual, aliás, o barqueiro tem que admitir que partilha. Mas, como não poderia deixar de ser, lá se lançou a "prova" de admiração pelo homenageado: "Tive o privilégio de conhecer o homenageado, e sei como ele amava a nossa terra e as nossas gentes, sendo por isso, mais do que justa, uma merecida homenagem.".

O problema desta novela é que não é nova. Já desde a morte deste ilustre poeta que estas partes políticas têm passado para além dos limites do equilíbrio e moderação nas suas demonstrações de carinho e admiração por Manuel Parada. É uma novela que até começou pelos "séniores", e que, talvez próprio da idade, alastrou aos "juvenis" por observação - imitação.

É o problema destas gentes do concelho. O barqueiro, e com certeza alguns barquenses mais,  também já demonstraram e reafirmaram a sua admiração pelo maior "poeta do povo" que a Barca já alguma vez teve. O problema é que todos querem "ficar bem", e quanto mais melhor, perante os "olhos" do povo (ou eleitorado). Daí que se chegue ao cúmulo de se querer provar perante os outros quem é que gosta mais do poeta! Ao barqueiro faz-lhe lembrar os "Gato Fedorento" a tentarem provar de quem o Sr. Tobias gostava mais... o problema é que o Sr. Tobias era um urso peluche, e, em analogia, quem nesta novela estão a fazer de urso é o admirável e já falecido Manuel Parada, juntamente com o resto do eleitorado.

 

 

 

 

 

 

 


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 02:01
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

1 comentário:
De Cale a 24 de Julho de 2009 às 15:26
sim concordo sr.barqueiro...e é pena usarem a memoria do nosso grande poeta para travar mais uma batalha....


botar farpas

barqueiro
pesquisar
 
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


barcalhoadas recentes

Saga "Palhaçadas" continu...

Maravilhas naturais, turi...

Palhaçadas de Carnaval

Menino Jesus vs Pai Natal

Reunião(ões) da(s) Jarra(...

O "Vosso" executivo e o 3...

Um executivo empregador

Gripe Ai!, não faça o "ra...

Fugir de homossexuais: el...

"Pai" Barqueiro e os pres...

Terminou o forrobodó! Mai...

Dossier Autárquicas 2009 ...

Dossier Autárquicas 2009 ...

Novela de Verão: "Meu S.B...

Dossier Autárquicas 2009

Vassalo "Summer Sessions"

O destaque de sempre: Lim...

A "Nata" Barquense

A Fórmula Cultura+Turismo

A "Colmeia" das "Abelhinh...

Barquenses votaram Europa...

Certame político-religios...

"Novo Rumo" com "velhos" ...

Política passeando pelas ...

Bitaitadas frescas

Mais um ano com os livros

De Ponte da Barca a Lisbo...

Pontes da decadência

Diácono de Lindoso ajoelh...

Viva a liberdade, e o iní...

todas as barcalhoadas já assistidas

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

Visitas
Vídeo do mês: Política para Totós
subscrever feeds