Sábado, 8 de Agosto de 2009
A "Colmeia" das "Abelhinhas"

A "Colmeia" das "Abelhinhas"

 

Como foi explicado no artigo publicado neste blog "Dossier Autárquicas 2009", todo o material propagandístico deixado pelas "abelhinhas" partidárias neste blog será recambiado para este local. Este não é um blog partidário, é sim um sítio onde se deixam e discutem opiniões, como todos os outros blogues. Mesmo gente que apoia determinada força política será bem-vinda às secções de comentários dos artigos... o que não pode ser é admitida propaganda gratuita e crua...

 

Rejubilem com o repasto que estes partidários oferecem aos barquenses:

 

 

 

De ZITA SE ABRA a 9 de Outubro de 2009 às 16:04, sobre "Dossier Autárquicas 2009 - o extra-large e último!"

 

Viva o Augusto Marinho, o nosso futuro presidente!!!
Adeus Rei Vassalo...
Acabou-se o teu curto e triiste reino....
Só desejo que, antes de ires embora, dês um grande cambalhota nessa eira que mandaste construir em frente da casa cor de rosa...
Já lá malharam tantas pessoas e, assim sendo, acho que é chegada a tua vez de provares a doçura da cama de pderas soltas que mandaste edificar.......
Vai e não voltes mais....

 

 

 


 

 

De cató ze a 9 de Outubro de 2009 às 14:21, sobre "Dossier Autárquicas 2009 - o extra-large e último!"

 

Embrulhai PPD's de m_r_a. Que coça qua o Marinho levou... Infelizmente, e mais uma vez, alguem apostou no cavalo errado..

 

 

 


 

 

 

De Apoiante a 25 de Junho de 2009 às 00:01, sobre " Barquenses votaram Europa... ou não"
 
www.augustomarinho09.org
 
 
 

 

 

De FOGE VASSALO a 6 de Julho de 2009 às 18:54, sobre ""Novo Rumo" com "velhos" A.Marinho e... Cabral de Oliveira"
 
VASSALO PEDE JÁ A REFORMA........... QUE GRANDE DERROTA VAIS SOFRER:...TOCA A TIRAR MAIS FOTOGRAFIAS., POIS O CARNAVAL ESTÁ A CHEGAR AO FIM... CAÍRAM AS MÁSCARAS..... INCOMPETENTES..... QUE VERGONHA DE CÂMARA!!!!

 

 

 


 

 

 

De Jose Esteves Martins a 25 de Julho de 2009 às 23:25, sobre ""Novo Rumo" com "velhos" A.Marinho e... Cabral de Oliveira"
 
A derrota vai ser tão estrondosa que o PSD já nem aparece com o seu candidato... Tenho medo é que o Vassalo ganhe por 5-2...
O PSD no fim das eleições e com a estratégia do Sr. Dr. Cabral de Oliveira e da Rosa Maria, fica pior de que o chapéu dum pobre.
Lá vão ter que regressar os Américos ( que foram abandonados à sua sorte pelo Dr. cabral em 2005 ), o Lopes do Armazém e este lá vai ter que ir buscar o filho do Jaime da Esplanada, para voltar a por o PSD no poder...

 

 

 


 

 

 

De FISCAL 28 a 27 de Julho de 2009 às 01:33, sobre ""Novo Rumo" com "velhos" A.Marinho e... Cabral de Oliveira"
 
Se a Câmara PS levar a mesma Brigada do Reumático, nem uma Flor BOA...LHOSA a salvará....Esta Câmara está moribunda. O Vassalo é pior que o Mindinho do vinho. É preciso correr com esta cambada de lérias, incompetentes, vaidosos, vingativos e semeadores de ilusões.....
VIVA O AUGUSTO MARINHO, O NOSSO FUTURO PRESIDENTE !!!!!!
 
 

 

 

 

De Libelinha a 26 de Junho de 2009 às 13:40, sobre "Política passeando pelas terras barquenses"
 
no bom caminho ! AUGUSTO MARINHO 2009!!
é possível uma mudança para a Barca!

 

 

 


 

(Em resposta ao anterior comentário)

 

De Augusto Marinho a 27 de Julho de 2009 às 18:00, sobre "Política passeando pelas terras barquenses"
 
Augusto marinho para onde? voces andam todos malucos, um penedo desses a presidente de que? nem duma associação de amigos das arvores PFF , abram os olhos seu burros incompetentes, cabral na lista? esse ladrao ??? e os processos que tem por meter dinheiro do povo da barca ao bolso??? e o gastao que deixou a barca na MERDA ninguem se lembra??? agora falta o segundo, quem sera o segundo da lista? nao me digam que é o deficiente do Naldinho , sera ? tony bouças? nao , nao acredito que cheguem a mais asneiras...
pensem suas cambadas de otarios , claro que incluindo o burro que aqui escreve constantemente.

 

 

 


 

 

 

De Lourenço ( das Arábias) a 18 de Junho de 2009 às 23:59, sobre "Bitaitadas frescas"
 
ATÉ PARECE QUE ESTE BLOGUEIRO FOI COMPRADO PELOS IRRESPONSÁVEIS DA CÂMARA....
PROMETE, GABA-SE, MAS NÃO CUMPRE.
DEVE ANDAR LIXADO POR O PS TER PERDIDO AS EUROPEIAS EM PONTE DA BARCA..
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

ATÉ PARECE QUE ESTE BLOGUEIRO FOI COMPRADO PELOS IRRESPONSÁVEIS DA CÂMARA.... <BR>PROMETE, GABA-SE, MAS NÃO CUMPRE. <BR>DEVE ANDAR LIXADO POR O PS TER PERDIDO AS EUROPEIAS EM PONTE DA BARCA.. <BR class=incorrect name="incorrect" <a>IGUALMETE</A> , O CUSSALO ABREU, GUARDA COSTAS E ABANADOR DO SÓCRATES, ANDA COM UMAS TROMBAS QUE INDICIAM UMA GRANDE BANHADA NAS AUTÁRQUICAS. <BR>VAI LEVAR UMA CAPILOTA ... KKKKKKKKKKKKK ... <BR>ESTÁ-SE MESMO A VER NÃO ESTÁ-SE..... <BR>REFORMA-TE INCOMPETENTE, NEM PRA COBRAR IMPOSTOS SERVES.... <BR class=incorrect name="incorrect" <a>kkkkkkkkkkkkkkk</A>

 

 

 

 


 

 

 


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 00:00
link do post | botar farpas (=comentar) | ver comentários (6) | favorito

Domingo, 21 de Junho de 2009
Barquenses votaram Europa... ou não

Barquenses votaram Europa... ou não

 

Não é que com isto o barqueiro esteja a apelidar todos de "ignorantes". Mas de facto foi aquilo que os políticos, ingenuamente ou não, fizeram dos cidadãos em todo o país. A realidade é que uma grande parte dos portugueses, de entre aqueles que foram às urnas, foram e ainda são "euro-ignorantes". As opções de voto eram 12, e encontrar uma dessas opções que falasse da Europa e dos seus assuntos, para elucidarem o eleitor a ir votar para a EUROPA, foi extremamente difícil. De toda a actividade eleitoral dos 11 partidos políticos e 1 movimento pouco tempo foi passado discutindo a Europa, o modelo social, político e económico que para ela pretendiam, e o hot-topic do Tratado de Lisboa.

O barqueiro está certo de que a maioria dos que foram votar não sabe ainda hoje em que opção e visão europeia votou. O barqueiro não votou, atendendo à sua condição de personagem "linguareira" e bloguística, mas de todos os portugueses recenseados votaram menos de 40%. Em Ponte da Barca o resultado da abstenção foi ainda pior, com 68,24%. Como já muita gente disse em uníssono, isto é o reflexo da descrença na política como a conhecemos. O barqueiro entra numa outra perspectiva, e diz que isto mostra também um alheamento preocupante do acto de cidadania em Portugal. Não há lógica em criticar o rumo político, sem nele participar nas eleições. Há que escolher o rumo que se entende melhor, de entre aquelas opções que nos são oferecidas, ou então, se se está num clima de protesto, votar em branco, como muitos portugueses fizeram.

De facto o povo é soberano, e estar a criticar o facto de votarem não na Europa, mas sim nos partidos nos seus contextos nacionais, é de certa forma legítimo, ao contrário do que os bonitos discursos políticos fazem crer. Afinal, foram esses mesmo políticos que criaram a situação da "euro-ignorância".

Em Ponte da Barca o mesmíssimo cenário, com o PSD a conquistar também a vitória, de forma mais esmagadora, o PS num fraco 2º lugar, e também o BE como 3º mais votado, apesar de uma menor percentagem em comparação com a nacional. O facto dos resultado terem apontado para uma vitória clara do partido que não está no poder, nem na autarquia, nem no Governo, reforça provavelmente a mesma ideia do voto "euro-ignorante". Mas já que estas foram umas eleições que todos as forças políticas quiseram fazer nacionais, poder-se-á analisar os resultados de forma mais ou menos fidedigna num contexto nacional: reprovação total do PS, vitória clara do PSD e o mais fraco resultado dos 2 grandes partidos juntos, com muitos votos a cair em forças alternativas. Será que, partindo de quase certo que não se votou na Europa, os resultados também significam qualquer coisa, um "aviso", para o executivo no poder? A maioria absoluta dos laranjas deve ter então assustado Vassalo e seus discípulos. O PSD local e nacional ficou muito reconfortado, mas ainda faltam alguns meses para as eleições, essas sim de carácter local e nacional, pelo que muita politiquice ainda vai correr.

E foi assim o primeiro "treino" eleitoral para os portugueses e para os barquenses, supostamente para votar na Europa, e cujos políticos, e por arrasto a sociedade, quiseram fazer (e conseguiram) de "barómetro" pré-legislativo...


sinto-me:


"Novo Rumo" com "velhos" A.Marinho e... Cabral de Oliveira

"Novo Rumo" com os "velhos" Augusto Marinho e... Cabral de Oliveira

 

Foi apresentado oficialmente o candidato PSD para as próximas eleições autárquicas em Ponte da Barca. Como já tinha sido anunciado há uns meses, o próximo candidato à Câmara Municipal é Augusto Marinho, que até é da Marinha, e já tem alguma experiência nas ditas "lides políticas", quando foi vereador no executivo anterior, pelo mesmo partido.

Feito o enquadramento, importa introduzir a assunto que o barqueiro irá passar a comentar. Comecemos pelo slogan "Novo Rumo p'rá Barca". E comecemos pelo rosto deste PSD actual, o seu presidente, Cabral de Oliveira, que surgiu e tem surgido como rosto deste "novo rumo" que este partido propõe para Ponte da Barca. Cabral de Oliveira, velho "barão" do PSD da Barca que já andou durante vários anos na cadeira do poder, e "Novo Rumo" parecem expressões incompatíveis. Por tudo o que sabemos da sua gestão e pelas histórias que Cabral de Oliveira terá para contar dos seus anos de poder, esta nova cara do partido com a "velha" gente que por lá anda não terá muito por onde pegar no que concerne a comparações de "antes e depois" das passadas eleições". A juntar a tudo isto está o facto de se estar a manifestar, aparentemente, uma certa ideia, em algum eleitorado, que PS e PSD são no fundo partidos muito semelhantes, e que as suas gentes nunca trouxeram as mudanças de gestão e de mentalidade necessárias a uma melhor Ponte da Barca (e até um melhor Portugal)... Como já estamos habituados aos frenesins pré-eleitorias, particularizando para política local, é sempre melhor dizer que se trata de uma ideia "aparente", não vá o barqueiro (muito provavelmente) enganar-se no que diz respeito a muita "massa crítica" que se torna "massa política", ou "politiqueira", quando cheira a eleições. Voltando ao assunto, e como o barqueiro também quer comentar aspectos positivos no meio deste triste cenário, assistiu-se nesta apresentação de Augusto Marinho a uma mudança ligeira de rumo na campanha. Pela primeira vez focalizou-se mais um eventual "novo rumo" que o partido quererá trazer, do que as críticas directas aos muitos "escarros" e "poios" do actual executivo, que tinham dominado a campanha laranja de Cabral até hoje. É certo que é necessário pegar em toda essa "sujeira" para fazer campanha... mas também é certo que o PSD do poder que os barquenses tiveram também tiveram muitos "escarros" e "poios"... talvez seja mesmo melhor explorar esta nova vertente de "novidade", "mudança" e de "novo rumo p'rá Barca", pois talvez seja isso que os barquenses andam à espera há decadas. Se isso vai mesmo acontecer com a eleição de Augusto Marinho, isso já é um assunto que cabe a cada barquense pensar, e tomar a sua conclusão no dia das eleições.

O barqueiro já iniciou essa reflexão, talvez ainda não a tenha terminado porque muito ainda há para assistir... uma conclusão já a tem: chegamos ao ponto de na política barquense, se se quiser votar em alguém, ter que escolher entre o mesmo, um PS que defraudou qualquer esperança que houvesse de mudança, com resultados à vista, e um PSD com gente que já deu um grande contributo, no poder, para a medíocridade que os barquenses sempre viveram e ainda vivem. 

 

 

Neste cenário, poderá ser caso para dizer, numa perspectiva diferente, necessita-se de mais concorrência à presidência da Barca, de preferência alguém novo nestas lides, vindo ou não dos restantes partidos políticos. Outra coisa parece há muito ser certa: não contem com o CDS-PP de Ponte da Barca!... É esta a realidade da nossa terra: políticos "democráticos cristãos de direita", como disse uma vez Paulo Portas, que se "converteram" a "socialistas" (que também tem a sua graça, quando o PS se diz "socialista") para todos estarem, no fim de contas, no "poleiro". Que outra coisa há-se pensar o "povo"?

Voltando ao PSD, resta esperar que Augusto Marinho se revele nos próximos tempos, para ver o que haverá de "novo" naquilo que eles anunciam. E é neste aspecto, que de facto o PS e o PSD locais diferem: o PSD tem um presidente de comissão política, Cabral de Oliveira, que tem até este momento, ofuscado a presença do candidato Augusto Marinho, e o PS tem um presidente de comissão política, Adolfo Pereira, que tem sido totalmente tapado pelo presidente e candidato Vassalo Abreu.

Acabando o assunto, que já vai longo, resta referir a presença da JSD e de José Alfredo Oliveira nesta apresentação do candidato na sede do partido. É positivo ver como a juventude política está próxima dos "mais velhos"... é hilariante ver os "betos" dessa juventude entoando cânticos ao melhor estilo de claque de futebol na vitória política dos seus "mais velhos", relembrando as eleições recentes...

 


sinto-me:


Domingo, 24 de Maio de 2009
De Ponte da Barca a Lisboa, e mais além!

De Ponte da Barca a Lisboa, e mais além!

 

 

É sabido que Vassalo Abreu passa muito do seu tempo a se dirigir a Sócrates e ao seu Governo. Ou pelo menos é aquilo que foi apregoado aquando da vitória das últimas eleições. A sua alegada “relação próxima” com o poder central e os seus representantes deixa adivinhar por isso “frenéticas” deslocações à capital do país de forma regular. Aliás, os montantes envolvidos em certas obras que estão a ser feitas e outras ainda prometidas deixa campo à especulação acerca da relação com esse poder central, que deve ser estreitíssima, a ponto de talvez se tomarem decisões em estados de menor sobriedade, pelo menos de pensamento.

E assim o barqueiro está a chegar à deixa pretendida: vinho, esse alterador de sobriedade! Rezam as crónicas recentes que José Sócrates e Vital Moreira foram a Melgaço, “obrigando” Vassalo Abreu a inverter o sentido das deslocações, de sul, para norte. Por lá andavam também sindicalistas, cuja relação com o PS se tinha incendiado há pouco tempo devido a agressões a Vital Moreira. O destino é cruel, e estava traçado para que Ponte da Barca após ser capa nacional com o ruir da ponte medieval, fosse desta vez capa devido ao seu presidente se deslocar a Melgaço para se tornar “guarda-costas” de Sócrates. Vital e Sócrates pareceu que nada viram. Mas Vassalo Abreu foi dos únicos presentes que diz ter visto um sindicalista, Adão Mendes, a atirar um copo de vinho para a comitiva socialista. E era de “branco” e tudo! O barqueiro até especula se não seria alvarinho, mas não se atreve a entrar em discussão no ramo dos vinhos! Foi a cultura de “tasca” que mais uma vez fez notícia nacional com o nome de Ponte da Barca…

 

 

 Notícia no Telejornal da RTP:

http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Arremesso-de-copo-de-vinho-abre-nova-frente-de-batalha.rtp&article=217407&visual=3&layout=20&tm=9

 

Entretanto as notícias a nível regional estão ao nível do caminho de Granhão, em Paço Vedro de Magalhães, em que segundo declarações de Vassalo à imprensa, “é mais uma promessa eleitoral que está a ser cumprida” (o “orgulho” das obras, como o Bloco de Esquerda já disse). Está ao nível de uma aquisição pela câmara do terreno de um Parque de Merendas da Ecovia em Bravães, quando a câmara já tinha lá construído o parque há cerca de 2 anos. Está ao nível da aprovação do projecto de execução do Polidesportivo de Lavradas, com mais uns milhares, a juntar a milhões de euros, destinados à freguesia de um presidente de junta “guloso” nos reivindicações que faz, com um executivo “sedento” dos votos da direita.

 

 


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 00:35
link do post | botar farpas (=comentar) | ver comentários (5) | favorito

Domingo, 29 de Março de 2009
Vida de político em ano de eleições

Vida de político em ano de eleições

 

O que é que um politico em ano de eleições faz? Bem, o barqueiro não será com certeza a melhor pessoa para responder, até porque não tem experiência nesse ramo… Mas já a dupla presidente – vice-presidente, Vassalo Abreu – José Pontes, poderá esclarecer o leitor acerca desse estilo de vida. E se se quiser ser um politico próximo daqueles que lhe poderão dar a continuidade de “poleiro”, ou seja, os eleitores, mais diversificado terá que ser esse dia a dia de político.

Quem é que é capaz de comer vários porcos num mesmo dia, festejar o Carnaval, e nas manhãs seguintes acordar para cumprir religiosamente o acto de engolir óstias numa missa? Analisando por outro prisma, quem é que é capaz de vestir a pele de um popular esquerdista, que “come” do mesmo “prato” do seu povo, e no dia seguinte transfigurar-se num conservador católico de direita? A resposta é: o “Animal Político”, como disse uma vez Aristóteles.

E quem são os “animais políticos” de Ponte da Barca? Esse é um problema ainda maior… é que sabe-se que eles estiveram presentes nas muitas cerimónias de “comes e bebes” de Carnaval, junto do seu povo, mas quando as objectivas das máquinas fotográficas tentaram captar o ambiente desses “comes e bebes”, os “animais políticos” não estavam em lado nenhum! Como pode isso acontecer?! Não é suposto o político estar junto do povo a comer do mesmo porco, colhendo votos, e ao mesmo tempo estar junto daqueles que os vêm nas reportagens dos jornais locais, colhendo ainda mais votos?! Terão eles vergonha de serem captados à procura do “rabo” dos ditos sacrificados para o sarrabulho?

Estranha esta aparente atitude de resguardo das máquinas fotográficas dos jornais… Desta forma este blog só pode premiar os seus leitores com a caça ao Wally. Onde estão então os Wallys?

 

Em Oleiros, bem escondidinhos, lá estavam Vassalo Abreu, Manuel Lima, o presidente de junta, e Paulo Pimenta, o presidente da Assembleia Municipal.

 

 

 

Em Lavradas é impossível fazer avistamentos desta perspectiva fotográfica…

 

 

Em Lindoso a mesma coisa, quem sabe se nenhum dos políticos seria um Spider Man em dia de Carnaval…

 

 

E assim se passaram “comezainas”, e os políticos do costume, de forma surpreendente não foram captados nessa actividade que é comer… Ohh! Que azar… lá vai o barqueiro ter que disponibilizar alguns bons momentos à mesa guardados nos arquivos deste blog…

 

http://nadasobreabarca.blogs.sapo.pt/44834.html

http://nadasobreabarca.blogs.sapo.pt/3003.html

http://nadasobreabarca.blogs.sapo.pt/43047.html

 

 

Mas, no fim de todas estas reflexões, algo começa finalmente a fazer algum sentido… Será que a mensagem que Vassalo e companhia querem fazer passar neste ano importantíssimo de 2009 é que “deixamos de ter gente para o prato” e passamos a “ter gente para o trabalho”? A julgar pelo lançamento da primeira pedra do Centro Escolar de Crasto, parece que temos de facto boa gente para a betoneira e para os baldes de cimento. Apesar de tudo, dois erros comuns de “aprendiz de trolha” foram cometidos: Nunca pegar na pá do cimento com gravata, e nunca trabalhar com outros 4 ou 5 aprendizes a olhar.

 

 

 

A mensagem de “estou cá, mas por desporto” foi passada com o comunicado ao Partido Socialista que Vassalo e os restantes candidatos PS do distrito fizeram, ameaçando não se candidatar pelo PS se Defensor Moura for aceite como candidato do partido. Entretanto, nos jornais locais Vassalo é anunciado como recandidato PS à Câmara Municipal…

 

 


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 02:35
link do post | botar farpas (=comentar) | ver comentários (7) | favorito

"Putos" dão uma ajudinha aos maiores

“Putos” dão uma ajudinha aos maiores

 

Finalmente existe também uma juventude política em Ponte da Barca do partido socialista. A direcção da JS, que antes só existia na prática, passa agora também a existir do ponto de vista formal. Encabeçada pelo já conhecido José Pedro Amaral, que escrevia as “Notas Relevantes” semanalmente no “Notícias da Barca”, a direcção tomou posse no dia 14 de Março. Espera-se que os seus membros, ainda frescos nestas lides políticas, cumpram o seu papel, e que a promessa feita pelo líder, de promover uma maior participação e interesse dos jovens pela política local, se faça cumprir. Espera-se que o desaparecimento de José Amaral dos jornais locais, com os artigos de opinião, a partir do momento em que se constituiu a JS, não seja um presságio de que estes jovens se estejam a tornar nos muitos políticos que já temos: prometem e discursam, mas quando atingem a cadeira do poder logo essas “boas intenções” passam para segundo plano. Espera-se que a JS não seja apenas um meio de promoção e de propaganda do PS e dos “adultos” que dele fazem parte.

 

 

Pelos lados da JSD a vida lá continua: organização de reuniões e debates. Desta vez os “putos” laranjas promoveram um curso de formação política intitulado “Falar Claro”. Espera-se que o curso tenha servido de alguma coisa, não só para os jovens interessados na política, como para os “adultos” que nela andam. Augusto Marinho esteve presente, e a julgar pelas suas palavras, o curso já teve alguma utilidade. Isto porque, este próximo candidato à presidência da Câmara pelo PSD tem estado de certa forma, “apagado”. Tendo em conta que ele nunca se chegou a “acender”, ou seja, a se assumir ele próprio como alternativa para as próximas eleições, as expressões “firmeza” e “lutar pela verdade”, por ele proferidas, ficam-lhe bem. Poderá ser o início da afirmação da sua personalidade como candidato a líder de Câmara, isto porque tem estado apenas na sombra de Cabral de Oliveira, o líder da Comissão política. Daí que o barqueiro julgue que este curso de formação política já esteja a fazer bem ao candidato. Não é o “dinossauro político” Cabral de Oliveira que deve chagar-se à frente, é sim Augusto Marinho. No meio de toda esta confusão nos “adultos” do PSD, talvez seja a hora dos “putos” ensinarem a Augusto Marinho que ele tem que transmitir uma imagem de liderança aos barquenses, e mais do que isso, tem que fazer oposição, que é algo que parece que o PSD não está habituado a fazer… Quanto a Cabral de Oliveira, talvez seja a hora de saber respeitar pelo menos aqueles que militam pelo mesmo partido que o seu.

 

 


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 00:55
link do post | botar farpas (=comentar) | ver comentários (5) | favorito

barqueiro
pesquisar
 
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


barcalhoadas recentes

Terminou o forrobodó! Mai...

Dossier Autárquicas 2009 ...

Dossier Autárquicas 2009 ...

Novela de Verão: "Meu S.B...

Dossier Autárquicas 2009

Vassalo "Summer Sessions"

A "Colmeia" das "Abelhinh...

Barquenses votaram Europa...

"Novo Rumo" com "velhos" ...

De Ponte da Barca a Lisbo...

Vida de político em ano d...

"Putos" dão uma ajudinha ...

Época de c(h)eias...

Lavradas pede, Vassalo fa...

Uma oposição de bitaites

Política à mesa: aperitiv...

Oposições confusas

Dá-me o poleiro já!

“Jesus Cristo” “ressuscit...

Olinda, amiga, o PSD não ...

Os Mandamentos do BE (que...

“Novo Rumo” com as mesmas...

O regresso de "mestre" Ca...

2008: o início de uma nov...

Rosa Arezes "desabafa"

Hoje, sou eu!..., Não, so...

Política começa a fervilh...

Cheirinho a autárquicas?

todas as barcalhoadas já assistidas

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

subscrever feeds