Domingo, 18 de Novembro de 2007
Novamente as políticas verdes do concelho

Novamente as políticas verdes do concelho

Após o anterior artigo onde é elogiada, pelo menos a iniciativa e a passagem de intenções a acções no que às políticas da Câmara diz respeito, vem novamente à "baila" este assunto que tem dominado a actualidade concelhia (artigo anterior em http://nadasobreabarca.blogs.sapo.pt/32835.html). Apesar de todas as críticas que podem ser feitas ao sistema de recolha de lixos porta a porta, o elogio justifica-se pelo facto de ser uma política, que pelo menos agora, à partida deste projecto, parece evidenciar estruturação das medidas, que é coisa que raramente há nas políticas a que normalmante se assiste. Como os elogios já vão longos, passemos a um momento, que se pode chamar de crítica. O barqueiro não se refere ao facto de os "saquinhos" do lixo serem postos à porta, ou algo que se pareça, mas sim às "t-shirtzinhas" que marcaram a "inauguração" deste Sistema de Recolha de Resíduos Urbanos... sim, porque tudo tem que ter uma "inauguração", ou pelo menos algo de parecido... até mesmo um novo serviço concelhio de recolha do lixo. 

Quanto à foto das "t-shirtzinhas", os leitores dos jornais que normalmente passam só uma vista de olhos pelas imagens, poderão ter pensado que tudo, menos que se tratou da "inauguração" de um novo sistema de recolha de lixo em Ponte da Barca.

NOTA: Em "O Povo da Barca", o endereço electrónico fornecido aos leitores para se livrarem dos seus monos ou monstros é "monos@geriurb", faltando, como é óbvio, elementos à constituição do endereço. Os endereços têm o formato "qualquercoisa@exemplo.pt ou com). Assim, o endereço corrigido, por este blog é monos@geriurb.pt.  


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 00:14
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

Domingo, 11 de Novembro de 2007
Boas políticas verdes no concelho

Boas políticas verdes no concelho

 

Têm circulado pelo concelho avisos informativos de um novo sistema de "Recolha de Resíduos Sólidos Urbanos". Desta vez sim, e falando a sério, a Câmara Municipal de Ponte da Barca tocou, e fundamentalmente mexeu, num aspecto da gestão concelhia que nos tempos que correm não podem ser deixados à deriva. A acção "amiga do ambiente" deve partir de todas as populações e de cada um, para que se sinta efeito a nível global. Estas atitudes foram e muito bem, promovidas pela Câmara Municipal, com o novo serviço de recolha de lixo porta a porta, para residentes na vila, e se calhar o ainda mais importante serviço de recolha de "monstros", que muitas das vezes se vêm abandonados em bermas e montes onde periodicamente surgem formações de "lixeiras públicas", onde muitos se livram dos seus "monos". Em relação a esse tipo de poluição, fica ainda aqui o conselho de atenção das autoridades camarárias para a extinção destes pequenos focos de poluição um pouco espalhados, ainda, infelizmente , pelo concelho. É na aposta em medidas acertadas e organizadas como esta que as políticas das sucessivas Câmaras Municipais poderiam tirar muitos mais frutos, e apesar de tudo ainda vão a tempo de começarem.

 

 


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 00:11
link do post | botar farpas (=comentar) | ver comentários (2) | favorito

Domingo, 4 de Novembro de 2007
Pequim aguarda Leonor Carneiro

Pequim aguarda Leonor Carneiro

É mais uma vez destaque blog, e não só da imprensa regional. Leonor Carneiro conseguiu o 8º lugar na maratona de Berlim, conseguindo para além de um brilhante resultado por si só, as classificações  mínimas para poder estar presente nos próximos jogos olímpicos de 2008 em Pequim. Segundo o “O Povo da Barca”, “é o primeiro natural da Barca” a conseguir estar nuns jogos Olímpicos.

 

Será um orgulho para todos os barquenses e para todos os portugueses, quando no próximo ano representar Portugal nas Olimpíadas.

 


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 00:17
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

Domingo, 14 de Outubro de 2007
A "posta barrosã" e os presidentes de junta

Presidentes de Junta de Ponte da Barca e Bravães andam-se a fazer à "posta barrosã"?

Ao que temos visto nos últimos jornais, "Notícias da Barca" e "O Povo da Barca", os Presidentes de Junta de Ponte da Barca, Jorge Coutinho, e de Bravães, Alberto Cerqueira, têm andado simpatiquíssimos para com o executivo camarário e para com o seu presidente, Vassalo Abreu. Foi na Assembleia Municipal de 4 de Setembro e antecedentes, e agora na imprensa local com artigos dedicados à Câmara e sua "maravilhosa" gestão. Não é um juízo de valor, apenas é o resumo daquilo que estes presidentes de junta têm dito. Os assuntos recentes da Assembleia Municipal têm-se focado na alienação dos terrenos do Rodo em Vila Nova de Muía e na discussão de projectos ora necessários mas que tardam em arrancar, como é o caso do Complexo Desportivo e Pólo Industrial, ora ridículos e sem o mínimo de consciência, como o caso da ponte sobre o Lima em Lavradas para ligar ao IC 28. Enfim, e a vida da política barquense lá vai andando, com o Bloco de Esquerda a ser o partido mais pequenito mas que ainda vai tendo uma convicção marcada e insistente de estar sempre a alertar para a necessária aposta no turismo. E no meio de tudo isto lá têm estado os presidentes de junta destas duas freguesias a dizer que a Câmara Municipal só tem acções de "servir as populações e promover Ponte da Barca" e que tem estado "num rumo de desenvolvimento". As já "muito produtivas" assembleias municipais têm agora sido usadas por estas figuras para serem ocupadas com o elogio gratuito, sempre pronto a "sair do forno". E, à parte de tudo isto, existe um ditado popular, já que estes presidentes elogiam muito o saber popular da nossa terra, que diz que quando a "esmola é grande o santo desconfia". Pode parecer que são os únicos presidentes de junta do PS no concelho, mas não são, e têm sido uns constantes habituers dos elogios durante as assembleias municipais deste mandato.

O presidente de junta de freguesia de Bravães chega ao ponto de nos seus recentes de artigos de grande elogio nos jornais locais jogar uma das maiores cartadas, daquelas que só se jogam em "ultíssimo" recurso,  para demonstrar a grandeza desta Câmara Municipal:

 

"Gostamos todos de ver as nossas festas a serem divulgadas por todo o país e logo no programa TV regiões. Não foi por acaso que cá estiveram".

 

Parabéns! A Barca chegou ao TV Regiões! Depois disto, o melhor que ainda pode acontecer, pelo menos para estas opiniões, só ganhar as próximas eleições e festejar com uma boa jantarada com a boa "posta barrosã".

 

 

                                  

 

 


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 07:38
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

Sábado, 21 de Julho de 2007
Vassalo Abreu vs Francisco Araújo

Vassalo Abreu vs Francisco Araújo

O Presidente da Câmara de Ponte da Barca que se vê sozinho numa luta contra o "supra-sumo de laranja" Francisco Araújo.

Os recentes debates e entrevistas sobre o futuro das associações de municípios do distrito de Viana do Castelo têm estado cada vez mais quentes. Na recente entrevista dada ao "O Povo da Barca", Francisco Araújo, o presidente da Valimar, uma das associações de municípios, dá aos leitores um belo repasto de discurso de um bom político: retórica. A situação não é tão cor de rosa como este senhor, que também é presidente da Câmara de Arcos de Valdevez, quer pintar. Na referida entrevista, é-lhe feita a seguinte pergunta:

"P.B. - Acha mesmo que esta forma de associativismo potenciou uma efectiva articulação entre municípios? É que existe um pouco a ideia de que o associativismo de municípios foi mais útil para que estes pudessem aceder a fundos comunitários do que para articularem políticas entre si.

F. A. (Francisco Araújo) - É verdade que permitiu a obtenção de recursos financeiros. Contribuiu com uma condição fundamental para o acesso a fundos comunitários que é o seu carácter supramunicipal (...)"

 

O resto da resposta é mais um pouco de "palha". Resta saber, já que faltou esclarecer , qual é o tipo de interesse supramunicipal, que se põe acima das autarquias, que foi referido. Mas à parte da "pesca" de falhas no discurso da entrevista, a verdade é que este senhor tem vindo a entrar "em guerra" declarada ao presidente Vassalo Abreu. Isto porque, Vassalo Abreu tem vindo a ser das únicas vozes a apoiar o fim da divisão dos concelhos do Alto-Minho na Valimar e Vale do Minho: "Não podemos ver a nossa região só no sentido do Vale do Lima, mas enquanto um todo". Francisco Araújo acusa Vassalo Abreu de cegueira relativamente ao que tem sido feito pela Valimar, e que nem a Vale do Minho nem a Valimar acabarão.

O futuro destas associações de municípios será decidido pelo Governo através do estudo de reorganização administrativa do país.

Sobre tudo isto, o barqueiro só tem dois pontos simples a frisar:

1.  Vassalo Abreu, apoia, e muito bem, a posição de uma só Comunidade de municípios, ou pelo menos apela à união do distrito e do Alto-Minho como um todo. Está sozinho, ao que parece, e por isso é ainda mais de elogiar. Para esclarecer melhor ao leitor a divisão do Alto-Minho causada pelas duas associações de municípios, veja-se a sua constituição:

"Vale do Minho": Vila Nova de Cerveira, Valença, Paredes de Coura, Monção e Melgaço;

"Valimar": Arcos de Valdevez, Caminha, Esposende, Ponte da Barca, Ponte do Lima e Viana do Castelo;

Não faz sentido esta divisão de um distrito como o de Viana do Castelo. Que resultados estão à vista, para Franciso Araújo defeder tão fortemente esta divisão? Ponha-se no lugar deste senhor e veja: imagine-se presidente da Valimar... defenderia a extinção der tal divisão? Conhece o Major Valentim Loureiro? É presidente de Câmara de Gondomar, e ainda tem cargos no Metro do Porto e na Liga de Clubes... Conhece Francisco Araújo? É Presidente da Câmara de Arcos de Valdevez, presidente da Valimar e presidente do PSD distrital. Coincidências de dois autarcas.

2.  Será que estas associações têm contribuido para o desenvolvimento dos seus concelhos? Os tão famosos fundos comunitários têm a sua fama por serem esbanjados pelo nosso país desde que entrámos para a UE. E é através destas associassões de concelhos que os municípios também obtêm dinheiros europeus. A desconfiança do povo relativamente aos políticos cresce, e todo o país sofre do mesmo "mal": "política podre e desacreditada". O clima de descrédito na política é depois confirmado por projectos como o Leader+, através da Associação de Desenvolvimento Integrado do Vale do Lima, designada de ADRIL. O site desta associação cujos programas forma executados até à data prevista de 2006, foi votado ao abandono. Visite-o, e ainda verá o Cabral de Oliveira como presidente do nosso município http://www.adril.pt/constituicao.php. Enfim,  o tipo de mentalidade política que temos...


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 20:50
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

Fábio Cunha: mais um barqueiro

Mais um barqueiro: Fábio Cunha

Depois de João Mesquita, que mereceu destaque na semana passada neste blog, desta vez foi outro jovem que deu o exemplo às pessoas de Ponte da Barca. Fábio é também um desportista, que devido à sua qualidade na prática do futebol foi chamado à selecção distrital de Viana do Castelo, a fim de representar o distrito num torneio realizado no Jamor, a nível nacional. Deste torneio, chamado de “Lopes da Silva”, sairão os convocados à selecção nacional de sub-15. Este jovem tem tido presença habitual nas selecções distritais, estando por isso entre os melhores do distrito nesta modalidade.

 

                         

 

Mais um barquense que é exemplo de dedicação e qualidade naquilo que certamente mais gostará de fazer.


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 20:28
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

barqueiro
pesquisar
 
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


barcalhoadas recentes

O destaque de sempre: Lim...

Mais um ano com os livros

Marina Gomes: mais um ano...

Mês de cultura e desporto...

Um Grande barqueiro: Fern...

Viva o "Cartão Vida"

Novamente as políticas ve...

Boas políticas verdes no ...

Pequim aguarda Leonor Car...

A "posta barrosã" e os pr...

Vassalo Abreu vs Francisc...

Fábio Cunha: mais um barq...

João Mesquita: mais um ba...

Porque também há elogios:...

todas as barcalhoadas já assistidas

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

subscrever feeds