Sábado, 30 de Junho de 2007
Assinados novos contratos "tachos"

Assinados novos contratos "tachos" para Centro de Dia de Cuide Vila Verde e Creche em Oleiros

O que há de positivo nesta notícia? O facto de ser construídas infraestruturas de apoio social e educativo às populações do concelho. O que há de negativo? O facto de serem criados mais uns quantos "tachos" ainda antes de serem construídas tais infraestruturas. Depois do Presidente dos "Amigos de Ponte da Barca" ter garantido "tachada" para a sua filha, foram garantidos agora mais "tachos" a mais uns quantos, alguns deles filhos ou familiares de pessoas que ficam muito bem nas fotos da nossa mediática imprensa barcalhoense. Aliás, este executivo, não querendo ficar atrás dos anteriores, tem garantido belos "tachos": desde "meter mais pessoal", até promoções e novas assessorias. Em poucas palavras: só temos gente pró "tacho", no verdadeiro sentido da expressão, inclusive.

É este blog que sugere a primeira versão deste contrato assinado pelo "Amigo da Barca" José Manuel de Amorim, para a construção de mais alojamento de arrumação de "tachos". Mas atenção, só sugere, o barqueiro sabe que você nunca acreditará que a intenção deste contrato será esta. lol

O ainda maior riso será quando o presidente da Câmara Vassalo Abreu pregar uma rasteira a todos os que sorriram para o fotógrafo nestas assinaturas de "contratos-programa". O tempo de construção de obras prometidas, como a zona desportiva, a ponte sobre o Lima em Lavradas e estes centros de dia, ainda que sejam obras de concordância discutível, começa a escassear. Não só poderá ser uma rasteira hilariante para aqueles que sorriram para a foto, como para todos aqueles leitores que ficaram deslumbrados com a seriedade que os sorrisos de todos os presentes pretendem transmitir.


sinto-me: enjoado

talhado por o barqueiro às 02:09
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

Sábado, 26 de Maio de 2007
Barca com sinais de melhoria

Barca com sinais de melhoria

espírito crítico está a despertar?

Estarão a despertar mais espíritos críticos de entre as vozes barquenses? Ainda é cedo para afirmar, e a verdade é que poucas são as vozes inconformadas e que se diferenciam de uma massa amorfa de mentalidades que já vêm desde tempos remotos de geração em geração.

Como também já foi provado, ainda que poucas vezes, o barqueiro não é apenas um "deita - abaixo" como muita gente quer fazer crer. Desta vez há que destacar textos dos nossos jornais regionais, que vêm quebrar um pouco o marasmo noticioso e de opinião em que os nossos jornais são infelizmente muito ricos.

O barqueiro está-se a referir os artigos recentes de Armando Marques (o mediático autor de "Mulheres d'Armas e Homens de Barba Rija"), António Gonçalves Araújo e Manuel Soares (ambos habituais escritores das colunas de opinião e actualidade).

No primeiro caso, Armando Marques, o barqueiro só tem de lhe "tirar o chapéu". Trata-se de uma quebra com a sua linha de orientação. E é mesmo verdade: o homem que já militou por um dos partidos da direita, e ainda mais importante, que trata José Manuel Amorim por "duplo senhor", um "sr." antes do seu cargo e outro depois antes do seu nome próprio, conseguiu-se finalmente libertar e chegar à conclusão que nenhum partido político oferece actualmente credibilidade às pessoas. Está tudo no seu artigo "Partidos Políticos sem Crédito". Vejam um dos melhores excertos que este senhor já teve oportunidade de escrever:

"(...) crédito que os partidos políticos têm nas autarquias. Mas na verdade seja de esquerda ou de direita (...) CRÉDITO, é coisa que eles não têm."

  in "Notícias da Barca"

Mas como este escritor ainda se está a iniciar nestes ramos do inconformismo, algo de estranho e pouco esclarecido é referido logo no início do artigo. Diz que o Município de Ponte da Barca é um dos que ainda não teve problemas com a justiça, e que, e passa-se a citar, "Só em casos de freguesias poderá haver efectivamente problemas, mas nunca a esse nível". Estará ele a referir-se às "batalhas campais" que ocorrem frequentemente nas assembleias de junta de freguesia do nosso concelho? Só ele saberá que realidade pretendeu dar a conhecer acerca das juntas.

Outro habitual escritor é António Gonçalves Araújo, que desta vez nos brindou com um tema que é um dos maiores escarros do nosso Portugalinho: PDM's !!!!!!!!!!!!! Se não sabe muito bem do que se trata, o barqueiro pode-lhe dizer que é algo que existe para ser quebrado e abandalhado. Município que se preze viola como e quando quer o PDM, manipula-os como entende e aprova tendo em conta todos os interesses menos os relativos à paisagística e urbanismo. Se quiserem saber algo mais acerca do seu funcionamento fique com o excerto do artigo escrito por este senhor intitulado de "Licenciamentos, PDM e outras facilidades":

"Durante muitos anos , a burocracia, a pulverização (...), "as areias de engrenagem" e a morosidade de processos têm sido inimigas dos cidadãos e dos investidores sérios que desesperam para obter a legalização dos seus processos. Ao lado e a coberto dos inúmeros entraves tem prosperado uma "fauna" que para além de subir na vida sem fazer força, provoca um encarecimento incompreensível dos projectos. 

Neste caldo de cultura surgem os agentes do favorzinho, os profissionais dos pareceres jurídicos que lêem e relêem os complicados normativos, concluindo sobre os estados de alma do legislador em função do cliente e os decisores políticos que aparecem a anunciar a resolução de um problema altamente bicudo ("Não queira saber... Não fosse a consideração que tenho por si...")."

 

in "O Povo da Barca"

 

Por último Manuel Soares vem comentar, no seu espaço de opinião "Textos, Pretextos e Vice - Versa", a actual situação da política portuguesa à vista dos olhos dos cidadãos. Vive-se actualmente um profundo fosso entre cidadãos e políticos, fosso esse criado pela perda da confiança entre as duas classes. A questão central posta em reflexão neste artigo é se é possível reconciliar cidadãos e políticos. Fiquem também com mais um excerto. Mas atenção! Se pertence ao núcleo duro da "brigada da cor" de cada partido, votando religiosamente no seu partidinho todas as eleições, então este problema da actualidade nada lhe dirá.

 

"Os cidadãos distanciam-se da política, porque constatam que os políticos se apresentam ao eleitorado com programas e promessas que depois não cumprem e acções que nunca estiveram previstas passam a ser prioridade e executadas de imediato. A população desencanta-se porque "vê os políticos como incompetentes e incapazes de compreenderem o povo", associa-os muitas vezes ao oportunismo e ao clientelismo e desabafa que, afinal, são todos iguais."

 

in "O Povo da Barca"

 

    



talhado por o barqueiro às 14:04
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

Sábado, 19 de Maio de 2007
Apanhados: flagrantes da imprensa

Apanhados: flagrantes da imprensa regional

Os apanhados da imprensa regional desta semana de 12 a 19 de Abril são M.C. Soares e Armando Marques, ambos no Notícias da Barca. Parabéns aos escritores apanhados desta semana pelo seu exemplar desempenho. Ambos tratam-se de figuras da nossa imprensa que já nos têm habituado a momentos de descontracção e até de certa piada numa imprensa regional que muitas vezes se torna monótona e aborrecida. Contribua também para os nossos jornais! O próximo apanhado pode ser você mesmo!

Vejam a seguir como cada um deles contribui para os apanhados desta semana com os seguintes excertos:

M.C. Soares

"O Papa é o pastor chefe visível da Igreja sucessor de S.Pedro e vigário de Jesus Cristo."

"Lavradas, Domingo dia 29 de Abril Dia Mundial do Bom Pastor", in Notícias da Barca

Nunca ninguém falou tão bem sobre estes assuntos, como só M.C. Soares sabe fazer: "pastor chefe" e "vigário". Dois adjectivos tão simples e ao mesmo tempo tão completos para descrever o clero actual .

Armando Marques

"De boas famílias como é o caso de ser filha (Eugénia Amorim) do senhor Chefe do Serviço de Finanças de Ponte da Barca, sr. José Manuel Amorim, e de sua mãe D.Maria José (Zézinha) funcionária administrativa da Câmara Municipal de Ponte da Barca, e ou do seu tio, um "velho"  meu amigo de lutas partidárias, como é o caso do Presidente da Junta de Freguesia de Oleiros, Sr. Manuel Joaquim Barreto Lima."

"Mulheres d'armas e Homens de "Barba Rija"", in Notícias da Barca

"De boas famílias"? Parece que o "amigo da barca" José Amorim, é tratado não por senhor, mas por senhor antes do seu cargo profissional e depois senhor outra vez antes do nome próprio. Já tinha acontecido o mesmo num jornal anterior, sobre a Rádio Barca, em que M.C. Soares o trata da mesma forma (tudo em http://nadasobreabarca.blogs.sapo.pt/9844.html). Que tão boa família merecerá tão cuidada forma de tratamento?! E a funcionária administrativa? Com este cargo camarário tão distinto até o "Zé Tolhinhos" era de famílias tão boas como estas. Era, porque a forma inigualável como se dedica ao trabalho na Câmara fá-lo pertencer a uma família ainda mais acima destas "boas famílias". E o sr. Manuel Lima? Está a falar do "matador do porco" e do "homem da sardinhada". É um verdadeiro chefe de cozinha!  


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 07:36
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

Domingo, 6 de Maio de 2007
citação: rádio barca

Citação da semana (28 Abril - 5 de Maio)

 

Rádio Barca

Não sabiam que também há citações dignas de nota na comunicação social barcalhoense ? Pois aqui fica uma das citações do momento. Foi escrita num artigo intitulado "Assembleia Geral da Rádio Barca" escrito por M.C.Soares , comentando a falta de comparência massiva às Assembleias Gerais da Rádio Barca dos seus associados, na edição de 27 de Abril do Notícias da Barca: 

"Ora isto não tem jeito nenhum"

É que ao que parece a uma primeira assembleia geral em 23 de Março compareceram 6 associados, e a uma segunda e adiada assembleia compareceram 8 associados, de entre os totais de cerca de 1000 associados. Depois daquele triste "partir do bolo" nas instalações da Rádio Barca aquando do seu aniversário (), eis que esta volta a dar sinais de crise.

Será porque os associados, tal como muitas pessoas, não vão muito com a cara do "senhor Presidente da Assembleia Geral senhor José Manuel Amorim"? É uma possibilidade, tratando-se de uma personalidade barquense que ou é detestada, como parece ser a opinião do associados, ou é muito amada, tal como o senhor que escreveu este artigo (já repararam que no excerto atrás apresentado ele escreve 2 vezes "senhor", uma antes de "Presidente" e outra antes do nome "José"?).

Ou será que tudo isto se deve ao carácter do bom barquense associado de alguma colectividade, que se "mete nas coisas" e depois "está-se cagando " para a associação? Podendo isto ser provável, o barqueiro só tem uma coisa a dizer: Sendo assim "não tem jeito nenhum"!

 


sinto-me: Melhores tempos para a rádio!

talhado por o barqueiro às 01:06
link do post | botar farpas (=comentar) | favorito

Sábado, 31 de Março de 2007
Não querem mais nada senão jornais?

Não querem mais nada senão jornais?

É mesmo verdade! "Os Amigos da Barca" não contentados com a primeira notícia da tomada de posse dos elementos desta associação, publicada na edição de 17 de Março do "Notícias da Barca", decidiram publicar mais outra notícia no mesmo jornal na edição recente de 24 de Março com o mesmo assunto: tomada de posse. Apesar de poder parecer que tomaram posse 2 vezes seguidas, o que aconteceu é que ocuparam-se com assuntos foleiros na primeira publicação, resolvendo publicar nova notícia desta vez com conteúdo mais apropriado: a tomada de posse propriamente dita. Se bem se recordam, na primeira edição um dos elementos desta associação ocupou-se a escrever um artigo a iniciar uma boa peixierada barcalhoense, atacando um intruso presente no acto eleitoral da associação do qual não gostaram. Segundo o que o barqueiro intrepretou, tratava-se de um antigo dinossauro politiqueiro que foi até à toca dos "Amigos da Barca" incendiar os seus animos (a tal notícia neste blog em http://nadasobreabarca.blogs.sapo.pt/4715.html). E desta forma tão tristemente divertida se ocupou o espaço que deveria ser utilizado para dar a conhecer unicamente a tomada de posse dos elementos desta associação. Provavelmente terá sido por isso que publicaram esta segunda, e esperemos última, notícia da tomada de posse. Nesta sim vem o discurso do novo presidente da associação e as palavras do Presidente da Câmara.

As últimas palavras do presidente da associação José Manuel Amorim, nesta mais informativa última publicação, foram: "Connosco, poderão incondicionalmente contar, como esperaremos poder contar com todos. Muito obrigado a todos". Depois de toda a descrição deste novo enredo barcalhoense, o barqueiro até imagina a nova versão corrigida do discurso que poderá vir numa possível 3ª publicação: "Connosco, todos menos os "penetras", poderão contar, como esperaremos poder contar com todos menos os "penetras". Muito obrigado a todos menos os "penetras"."

Por último o barqueiro gostava de lançar aqui um apelo: Senhor José Amorim, ponha na linha os seus membros que escrevem no jornal sobre ataques a intrusos, e não queira vir tantas vezes logo de início nos jornais, pois as figuras públicas podem-se desgastar facilmente. Não é que ninguém duvide dos seus dotes de gestão de contas e finanças, mas tem que começar logo de início a saber gerir da imagem dos seus membros e da sua associação, para que assim sim, vocês possam abafar velhos fantasmas politiqueiros que gostam de "armar barraca". E "barraca" foi o que esse "penetra" conseguiu que vocês fizessem em vez dele próprio se cansar.

Os "Amigos da Barca" podem ficar com estes conselhos do barqueiro de verdadeiro amigo, pois como o presidente dessa associação disse "espararemos poder contar com todos", menos o PENETRA, claro está!


sinto-me:

talhado por o barqueiro às 08:04
link do post | botar farpas (=comentar) | ver comentários (1) | favorito

barqueiro
pesquisar
 
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


barcalhoadas recentes

Palhaçadas de Carnaval

Certame político-religios...

JSD com Azias, "adultos" ...

Políticos vão às aulas......

Volta ao S. Bartolomeu em...

“Mesmo mesmo animal só co...

Assinados novos contratos...

Barca com sinais de melho...

Apanhados: flagrantes da ...

citação: rádio barca

Não querem mais nada senã...

todas as barcalhoadas já assistidas

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

subscrever feeds